Impressoras são importantes em todo tipo de negócio. Uma de suas funções principais é registrar transações e detalhes para manter a área administrativa em dia, controlando dados de recibos e outros documentos importantes. Sendo assim, a impressora matricial tem um lugar fundamental no seu ambiente de trabalho.

Muitos acreditam que os modelos multifuncionais deixaram para trás a impressora matricial, que está em uso desde o início da tecnologia de impressão. Porém, ela é extremamente valiosa em várias situações. Por isso, vamos apresentar a você todos os seus recursos e detalhes mais importantes. Confira mais nesse Guia.

O mais importante

  • A impressora matricial trabalha exclusivamente imprimindo formulários, faturas e outros tipos de documentos que não demandam cores ou resoluções muito altas.
  • Ela funciona através do impacto direto de uma matriz de agulhas no papel, atingindo uma fita com tinta em vários pontos e formando os caracteres a serem impressos.
  • Uma das coisas mais interessantes sobre a impressora matricial é que seu custo de impressão é baixíssimo e ela ainda conta com excelentes recursos de aproveitamento do papel. O custo de usar uma impressora matricial é infinitamente inferior ao de trabalhar com uma impressora de toner ou a laser. É claro que a conectividade, velocidade de impressão e número de caracteres também devem ser levados em conta.

Ranking: Os melhores modelos de impressora matricial do mercado

Abaixo, você pode conferir uma lista que preparamos com os melhores modelos de impressora matricial disponíveis no mercado, levando todos os seus recursos em conta. Saber mais sobre as funções e capacidade desse dispositivo certamente fará você tomar uma decisão melhor na hora de comprar o seu.

1º – Impressora Matricial LX-350, Epsom

A impressora matricial LX-350 de 9 agulhas da Epsom é a mais vendida no mundo. Com conexão USB de alta velocidade, conta com a fita de impressão de maior durabilidade da categoria. Chega a 390 CPS e até 10 mil horas de uso.

Tem baixo custo de manutenção e alto rendimento, e imprime diversos documentos de uma única vez, incluindo documentos fiscais, seja em papel contínuo ou folha individual, simples ou multicamadas. Sua nova cabeça de impressão dura até 400 milhões de caracteres.

2º – Impressora matricial MP-20, Bematech

A impressora matricial MP-20 de 9 agulhas da Bematech é uma das mais tradicionais do mercado, sendo uma opção ideal para impressão de documentos sem valor fiscal em estabelecimentos comerciais dos mais diversos.

Tem vida útil de 120 milhões de caracteres e apresenta corte em serrilha, sensor de fim de papel e 8 modo de impressão (normal, expandido, enfatizado, itálico, sublinhado, elite, comprimido e gráfico), imprimindo documentos em até 3 vias, com autenticação.

3º – Impressora matricial Microline 490, Okidata US

A impressora matricial Microline 490 de 24 agulhas da Okidata trabalha com até 5 cópias por vez, incluindo o original, com alta qualidade e velocidade nos mais variados tipos de papel. Ideal para faturas, relatórios, documentos industriais e comerciais.

Apresenta conexão USB padrão e opera numa velocidade de até 420 CPS no modo de impressão rápida. Tem vida útil de 20.000 horas e capacidade de impressão de 4 milhões de caracteres.

Guia de Compras: Tudo que você precisa saber sobre uma impressora matricial

Caso esteja pensando em comprar uma impressora matricial para sua empresa ou ambiente de trabalho, é sempre uma boa ideia conhecer melhor os detalhes desse equipamento. A seguir, você encontra informações que esclarecem as principais dúvidas que surgem na hora de comprar uma impressora matricial.

Impressora matricial.

A impressora matricial serve para manter em ordem os registros de uma empresa. (Fonte: Antonio Guillem: 105067779 / 123rf.com)

O que é exatamente uma impressora matricial?

A impressora matricial é um periférico cuja função é transcrever ou repassar um documento digital para o papel. Ela faz isso através de uma cabeça de impressão, que vai de um lado ao outro do papel, e cujas agulhas produzem impacto sobre uma fita com tinta, formando a impressão.

Geralmente, são as pessoas que trabalham em profissões que envolvem muita papelada, como os advogados, que conhecem as possíveis falhas de uma impressora e sabem dizer o que um modelo eficiente deve oferecer. Assim, embora seja necessário conhecer as especificações do produto, nada supera a prática.

Quantos tipos de impressora matricial existem?

Normalmente, uma das coisas que mais define uma impressora matricial é a durabilidade. Embora sua popularidade tenha diminuído com o tempo, vários modelos ainda têm sido fabricados. Um dos critérios mais populares de classificação da impressora matricial é a quantidade de agulhas de impressão.

  • Impressora matricial de 1 agulha: Calculadora ou pequena impressora, comumente utilizada em equipamentos simples, com processamento inferior a 8 bits.
  • Impressora matricial de 9 agulhas: O modelo mais comum, com amplas variedades no mercado. Seu diferencial é o formato diversificado e seu uso principal é para impressão de formulários.
  • Impressora matricial de 24 agulhas: Impressoras de ponta, com qualidade superior de impressão. Ideal para lojas de grande porte ou consultórios médicos. As maiores marcas do mercado produzem esse tipo de impressora.
  • Também existem modelos de impressora matricial com 18 e 27 agulhas, respectivamente: A primeira é bem pouco utilizada, embora haja fabricantes que ainda trabalhem com ela. A segunda conta com a tecnologia ImageWriter da Apple, que oferece a maior resolução do mercado.

Quais são os principais recursos de uma impressora matricial?

Há certas coisas a se levar em conta na hora de escolher a impressora matricial ideal para sua empresa ou escritório. A seguir, você encontra as principais informações e diferenças entre os modelos disponíveis. É muito importante considerar esses tópicos antes de comprar sua impressora matricial.

  • Velocidade de impressão: Esse é um quesito imprescindível para uma impressora e varia muito de modelo para modelo. Geralmente, a velocidade é medida por CPS (caracteres por segundo) um aspecto importante que pode fazer toda a diferença quando você opera com alta demanda.
  • Qualidade de impressão: Esse quesito importante depende da quantidade de agulhas da impressora matricial. Quanto mais agulhas a cabeça de impressão tiver, melhor será a qualidade final.
  • Durabilidade: Esse é certamente o aspecto mais atrativo de uma impressora matricial. Geralmente, espera-se que esse equipamento mantenha a produtividade por muito tempo e se adapte a várias necessidades de trabalho. Nesse sentido, a impressora matricial é confiável, veloz e tem um ótimo aproveitamento de papel.
  • Impressão multicamadas: Outra vantagem desse tipo de impressora é que ela imprime em papel multicamadas, como o papel carbono, o que ajuda a reduzir os custos de operação.

Como se instala uma impressora matricial corretamente?

A impressora matricial é muito útil para gerir a parte administrativa de uma empresa. Ela também é prefeita para imprimir faturas. Para utilizar corretamente esse equipamento, você deve conhecer a fundo seus elementos e recursos.

Verifique o conteúdo da embalagem

Todos os acessórios da impressora devem estar presentes, bem como o dispositivo de impressão com fita ou cartucho, a guia do papel, o cabo de alimentação e um CD com o software de instalação. Além disso, não deixe de verificar o documento de garantia.

Imagem de pessoa escaneando documento.

O melhor lugar para instalar sua impressora matricial é uma superfície plana com uma tomada próxima. (Fonte: Andriy Popov: 35462410 / 123rf.com)

Escolha um local adequado para colocar sua impressora

Essa é uma parte importante da instalação da impressora matricial. Ela deve ser colocada em uma superfície plana com uma tomada por perto. Nunca coloque dispositivos sem fio perto da impressora matricial para evitar interferência.

  • Instale a fita de impressão: Para começar, verifique se a impressora está desligada e retire a tampa completamente para evitar que ela interfira no processo de instalação. Gire o controle lateral, esticando a fita, para evitar que ela enrosque nos cabeçotes. Mantenha a fita à mão. Segure o controle pela alça e ajuste a fita na área de montagem, onde ficam os ganchos laterais.
  • Feito isso, coloque a fita debaixo da guia de papel: Você pode usar um lápis para verificar se a instalação está correta, testando o deslocamento. Por fim, é só recolocar a tampa e pronto.
  • Insira a guia de papel: Toda impressora matricial conta com um nicho para a guia de papel. Tudo que você precisa fazer é montar a guia na posição vertical, ajustando com cuidado as lâminas e pressionando levemente com as mãos.
  • Instalação do software: Uma vez conectada a impressora ao computador e a uma fonte de alimentação, o próximo passo é instalar o software para acessar as funções do equipamento. Para isso, insira o CD no leitor e espere uma caixa de diálogo se abrir. Clique nela, siga as etapas de instalação e pronto. Talvez seja uma boa ideia conferir as instruções do fabricante.

Como fazer a manutenção de uma impressora matricial?

Como já foi dito, a impressora matricial usa uma fita que é pressionada por agulhas para produzir a impressão. Essa fita é o item que mais se gasta na impressora e deve ser trocada de tempos em tempos. Geralmente, a manutenção desse equipamento tende a ser um pouco mais complicada.

Não basta apenas manter a impressora limpa e em local arejado. A manutenção periódica do rolo também é essencial. O rolo é a peça que move as agulhas e acumula resíduos de tinta e muita poeira. É preciso limpá-lo com um pano com álcool, aplicando uma leva força, e depois secar muito bem.

Imagem de pessoa imprimindo documento em impressora multifuncional.

É muito importante fazer a manutenção do rolo que move as agulhas. (Fonte: Толмачев: 106497322 / 123rf.com)

O carro de tração deve ser limpo com ar pressurizado, pois acumula resíduos do papel que passa constantemente pela bandeja. A guia de metal na qual a cabeça de impressão desliza deve ser lubrificada com graxa grafitada para evitar ressecamento. Veja, a seguir, uma tabela para identificar os prós e contras da impressora matricial.

Quais são os prós e contras de uma impressora matricial?

Vantagens
  • Impressão multicamadas, que aumenta o número de cópias
  • Baixo custo de impressão
  • A intensidade da impressão diminui quando a fita se desgasta
  • Opera com papel contínuo
  • Alta durabilidade e resistência
Desvantagens
  • Barulhenta
  • Resolução limitada de cores e baixa qualidade
  • As agulhas podem se soltar da cabeça de impressão

Critérios de Compra

A impressora matricial é útil, prática e muito econômica. Mesmo assim, você precisa considerar alguns fatores para fazer a melhor compra possível. Por isso, criamos um pequeno guia para que você fique muito satisfeito com a escolha da sua impressora matricial. Confira:

  • Agulhas
  • Velocidade de impressão
  • Caracteres
  • Conexão
  • Papel

Agulhas

Na hora de escolher entre os vários modelos de impressora matricial, a quantidade de agulhas do cabeçote é o principal fator para definir a resolução do equipamento. Caso você não precise de uma leitura muito detalhada, mas apenas de impressões mais simples, uma impressora com nove agulhas é mais do que o suficiente.

Mas isso sempre depende do uso que se pretende dar ao equipamento. Caso seja necessário um alto nível de detalhamento e um número mais elevado de caracteres, você precisa de uma impressora matricial com mais agulhas. Esse aspecto é importante, pois influencia diretamente no preço do equipamento.

Impressão.

Quanto maior o número de caracteres, mais cara será a impressora matricial. (Fonte: Marco Prati: 17870077 / 123rf.com)

Velocidade de impressão

Essa é outra escolha que depende do uso que se pretende dar. Nesses equipamentos, a velocidade é medida pelo CPS, ou seja, o número de caracteres que ele processa por segundo (quanto mais CPS, mais rápido é o equipamento). Esse aspecto define a capacidade e o ritmo que o dispositivo suporta. Geralmente, a impressora matricial é conhecida por trabalhar muito rápido.

Eva María RoigTradutora de documentos

“Por definição, a impressora matricial é um periférico cuja função é transcrever ou repassar um documento digital para o papel. Ela faz isso através de uma cabeça de impressão, que vai de um lado ao outro do papel, e cujas agulhas produzem impacto sobre uma fita com tinta, formando a impressão.”

Caracteres

Esse recurso também é importante, pois afeta tanto o custo quanto a qualidade. Os caracteres expressam o conteúdo que você deseja imprimir, sendo impressos pela ação das agulhas sobre o papel. Portanto, é aconselhável conferir a duração da fita, que geralmente é calculada pelo número de caracteres impressos antes que a tinta acabe.

Uma impressora matricial de boa qualidade permite a impressão de pelo menos dois milhões de caracteres. Vale a pena lembrar que, quanto maior o número de caracteres, mais cara a impressora matricial será. O que não quer dizer que a economia não seja algo a ser considerado. A chave é encontrar um equilíbrio que atenda às suas necessidades.

Conexão

Uma impressora matricial se conecta a vários sistemas responsáveis por imprimir faturas, como computadores ou caixas registradoras. Por isso, é importante pensar na conexão via porta USB ou cabos de rede. O tipo de conexão facilita a instalação e a transmissão dos dados.

Papel

Por mais que a impressora matricial destine-se a imprimir faturas e comprovantes, elas não precisam necessariamente trabalhar com documentos pequenos. Algumas usam papel A4, enquanto outras trabalham com tamanhos menores e em rolo, permitindo uma impressão ininterrupta.

Esse quesito depende muito da quantidade de informações que você precisa imprimir. Só pensando nisso você poderá escolher o tipo de papel a ser utilizado. Outro fator importante é a recarga do papel de impressora. Alguns tipos de impressora matricial funcionam apenas com papel contínuo, enquanto outros demandam recarga manual.

Resumo

Apesar de toda a inovação que cerca o mundo da impressão, a impressora matricial ainda tem seu lugar no mercado e é extremamente relevante em alguns negócios. Elas cumprem uma função de extrema importância, registrando dados referentes a transações de vários tipos.

Essa função específica dificilmente sairá de cena, já que o registro de dados e entrega de recibos é e sempre será um grande pilar empresarial. Agora que você já sabe mais sobre os principais usos e recursos da impressora matricial, já descobriu qual delas vai comprar?

Caso tenha gostado deste Guia, curta e compartilhe com seus amigos nas redes sociais. Deixe também um comentário abaixo. Adoraríamos ler sua opinião.

(Fonte da imagem destacada: Vladimir Mucibabic: 14972656 / 123rf.com)

Avalie esse artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
46 Voto(s), Média: 5,00 de 5
Loading...